Cidades Problemas Urbanos Utilidade Pública

Pessoal cobrando a Prefeitura pela entrega do BRT no Facebook

Compartilhe:

O pessoal resolveu “ressuscitar” um post da Prefeitura do Natal de dois anos atrás, no Facebook, sobre a possível entrega do BRT e deu o link de uma matéria no blog da Prefeitura. Veja a postagem:

Esta era para ser uma das obras de mobilidade urbana na Copa do Mundo, que aconteceu em 2014. Ou seja, há quase três anos. Você viu algum BRT passando na capital potiguar? Ou alguma obra de um abrigo para este transporte público? Obviamente que não e as pessoas estão soltando diversos comentários na postagem (não corrigimos o internetês para mostrar os comentários de forma clara), como:

Boeee, 2017 e cadê isso? Tão vibe digital msm né? O babado é ficar bem na internet e fazer nada. Não fizeram isso pq não quiseram viu, pq o tanto de imposto q pagamos é tributação até no meu cu. Vcs não tem vergonha não? Somos cidadãos não burros! Depois querem aumentar preço de passagens, de tudo. Parem de passar a conta de vcs pra gente e promovam o bem estar social dá população q ngm perturba vcs tá OK? Agora vão trabalhar!!

André Soares

A obra já está concluída. O problema é que ela desapareceu.

Douglas Cavalheiro

Esse investimento está mais do que atrasado! A mobilidade urbana em Natal clama por socorro! Só espero que as autoridades não inventem de derrubar o pouco do verde(árvores) que restam na Bernardo Vieira e nas principais vias, com essa história de BRT. Estamos de olho em vocês!

Matheus Guedes

EU QUERO CICLOVIAS, duas ciclovias urgentes: Uma De parnamirim (no canteiro da BR e com arvores no meio, para a gente nao morrer no sol pedalando) passando pela salgado filho, hermes da fonseca até a praça cívica. E outra Na roberto Freire, da Ufrn até a vila de ponta negra… AS CICLOVIAS DEVEM SER CONSTRUÍDAS NOS CANTEIROS ENTRE ARVORES. Não tem espaço? tira uma das faixas que são pra carro e faz.. Bicicletas e Arvores valem mais

Fanny Avlis

as, que mentira é essa, não dá! a Salgado Filho e Hermes da Fonseca, que deveria ter 4 faixas de rolamento por ser uma via arterial, só tem 3 de cada pista, isso foi um erro de planjamento de um engenheiro que comprometeu o futuro da cidade, se fosse 4 faixas de rolametos daria para colocar um BRT

Ovidio Tavares

A prefeitura do Natal é o tipo de prefeitura que faz divulgação enganosa, por que se for olhar a história dos últimos anos e ver o que já prometeram e nem começaram kkkkk nada é feito em Natal, nada! Cidade sempre em marcha lenta diante as outras capitais. Evolução 0 a nossa

Felipe Andrade

Não fizeram o que precisava ser feito na época da Copa, quando vários órgãos governamentais aprovaram orçamentos…e vai fazer isso agora? Com que dinheiro? Cada estória da carochinha!!!!

Ranieri Strauss-Klein

O que é BRT?

BRT é uma sigla inglesa de Bus Rapid Transport, que em português significa Transporte Rápido de Ônibus. É um sistema de transporte coletivo de passageiros que proporciona mobilidade urbana rápida, confortável, segura e eficiente por meio de infraestrutura segregada com prioridade de ultrapassagem, operação rápida e frequente, excelência em marketing e serviço ao usuário.

O sistema BRT foi criado em 1974 pelo arquiteto e na ocasião prefeito da cidade, Jaime Lerner, em Curitiba, no Paraná. As mudanças transformaram a capital em uma cidade de sucesso urbano, renomada em todo mundo. Junto ao BRT vieram projetos sociais inovadores, zonas de pedestres e espaços verdes, além disso, muitas outras cidades brasileiras seguiram o exemplo com sistemas básicos, como São Paulo, Porto Alegre e Belo Horizonte.

Nesse sistema deve ser realizada a substituição permanente do trânsito individual por um atrativo transporte coletivo, promovida a segurança e a proteção para os seus passageiros, a redução de CO² bem como a diminuição de congestionamentos. Para isso, não há nada mais adequado do que soluções BRT, realizáveis a médio e longo prazo com investimento moderado. São conceitos que se integram homogeneamente nas estruturas urbanas, em tempo hábil como solução plena ou também por etapas.

Para ser considerado um BRT, o sistema de transporte público de ônibus deve operar por uma faixa de rodagem exclusiva (corredor de ônibus), evitar o congestionamento do tráfego. Além disso, um verdadeiro sistema de BRT deve ter os seguintes elementos:

Alinhamento no centro da via (para evitar atrasos típicos do lado do meio-fio)

Estações com cobrança de tarifa fora do veículo (para reduzir o atraso do embarque e desembarque relacionado com o pagamento ao motorista)

Estações com o nível do piso do ônibus (para reduzir o atraso do embarque e desembarque causado por escadas)

Prioridade de ônibus nos cruzamentos (para evitar a atraso em intersecções rodoviárias)

No Nordeste só tem em Recife, Salvador e Fortaleza.

Lara Paiva

Oi, eu sou o Goku. Mentira, meu nome é Lara. Sou jornalista formada pela UFRN, natural de Natal. Sempre fui de humanas. Tem um blog para expor as suas curiosidades e anseios desta vida e mostrar os diferentes lados da vida urbana.

Você também pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *