deputado detefon

Detefon: Um apelido que acabou com a carreira de um deputado

brechadas Cidades
Compartilhe:

Uma coisa que a política do RN gosta de fazer é dar apelidos aos políticos, todo mundo já foi chamado de alguma coisa, principalmente durante o período de eleições onde os ânimos extrapolam. Falamos neste mês sobre o MDB no estado e vamos terminar falando disso, porque a história política do RN parece um roteiro de uma novela de Dias Gomes. Teve um político que foi chamado de inseticida, mais precisamente de Deputado Detefon. 

Aguns apelidos alavancaram certos políticos, como Tamborete, de Geraldo Melo, devido à baixa estatura do ex-governador do Rio Grande do Norte. Outros, no entanto, tiveram a sua carreira política prejudicada, como Magnus Kelly, que ficou conhecido como Deputado Detefon.

Magnus Kelly era um político que surgiu na mesma época que Henrique e Garibaldi Alves

Magnus era da turma do Jardim de Infância, movimento político que surgiu no Rio Grande do Norte através da unidade do Movimento Democrático Brasileiro (MDB), partido de oposição da Ditadura Militar.  Em 1969, Aluízio Alves teve seu mandato cassado e neste épocas jovens políticos em torno do 20 anos começara a adentrar na política.

O nome da turma era em relação ao bloco carnavalesco de Natal, no qual participava boa parte da elite.

A intenção era divulgar o partido por todo o Rio Grande do Norte, período que a Arena, partido a favor dos Militares, dominava o Estado.

A campanha na década de 70 foi um sucesso e Henrique Alves aos 21 anos foi eleito deputado federal mais jovem a entrar na casa. Além disso, os outros políticos da Turma do Jardim de Infância também foram eleitos, como Garibaldi Alves Filho, Iberê Ferreira, e Magnus Kelly como membros da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte.

Kelly excerceu três vezes o mandato de deputado, sendo que na quarta surgiu a origem do Deputado Detefon. Ele estava junto com os Alves desde a Cruzada da Esperança.

A origem do apelido

Reza a lenda que o apelido nada jocoso veio a partir dos jornalistas, quando Magnus conhecido pela alcunha de ‘deputado coragem’ ao chegar numa grande passeata puxada por Aluízio Alves na Praça Gentil Ferreira no Alecrim declarou que precisava dedetizar a praça, após saber que o deputado Carlos Alberto de Sousa tinha passado no ambiente horas antes.

Carlos Alberto era seu principal concorre nas eleições. E Magnus no calor do momento disse: “depois que esse povo passou aqui na Gentil Ferreira, vamos dedetizar a praça”. Isso aconteceu no ano de 1978.

Com essa frase e proposta de envenenar a praça, Magnus Kelly ganhou o apelido dos jornalistas de “deputado Dedefon” perdendo a eleição e nunca mais foi eleito, depois resolveu trabalhar apenas nos bastidores.

O que é o Detefon

Detefon é uma marca de inseticida bastante famoso no Brasil. Assim como Gilete virou sinônimo de lâmina de barbear, o Detefon virou sinônimo de acabar com as pragas urbanas. Sua avó provavelmente chama o produto assim. 

A marca surgiu nos anos 20 e era produzido pelo Laboratório Fontoura, o mesmo do Biotônico.  Sua fórmula nasceu tão poderosa que estudos mais tarde indicaram que não só os mosquitos, a malária, a febre amarela, a tifo e as baratas eram destruídas pelo composto; também a saúde humana corria risco.

A marca, nos anos 2000, foi adquirida pela multinacional Reckitt Benckiser. A linha “Mata-Baratas” é descontinuada, já que a empresa comercializava o Rodox para o mesmo fim. No mesmo ano, o Detefon em forma de iscas é retirado do mercado.

Ele ainda é vendido no mercado, mas perdeu a liderança no mercado por outros produtos mais modernos.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.