Virada Cinematográfica está de volta em Natal!

Cinema
Compartilhe:

A rede de cinema Cinépolis em Natal sempre tem projetos de incentivar as pessoas assistirem um filme, principalmente aqueles que não são ‘blockbusters’. No final do mês de maio, dia 26 de maio, a partir de meia-noite, eles vão ressuscitar a Virada Cinematográfica, parceria com o Vivo No Cinema.

Foi criado há oito anos pelo produtor cultural Roberto Nunes, paulista que estendia o projeto na cidade de Aracaju.

Após uma crise de diabetes, o Roberto morreu e três anos as atividades foram suspensas. O motivo? Por conta que o Cinemark quadruplicou o preço do aluguel das salas. Esta resposta obtive numa troca de e-mails que tive com o mesmo, quando ainda era uma estudante de jornalismo.

Confira os filmes que entrarão em cartaz:

Os filmes que entrarão em cartaz são clássicos da indústria da sétima arte (Oi, Maurílio dos Anjos) e todos estão remasterizados. Veja mais informações para você ficar tentado:

A Bela da Tarde

Vamos começar com um clássico filme francês. Séverine é uma jovem rica e bonita, porém infeliz. Ela ama seu marido, um médico, mas eles não são tão íntimos quanto ela deseja. Ela procura um discreto bordel, comandado pela Madame Anais, para realizar suas fantasias eróticas e e conseguir o prazer que seu marido não consegue lhe dar. Ela trabalha como prostituta à tarde e à noite retoma a vida de casada, mas um cliente abusivo promete complicar a situação.

Curiosidades:

  • O filme é baseado na obra de Joseph Kessel.
  • A película foi remasterizada e voltou às telonas neste ano.
  • O filme foi dirigido por Luis Buñel, que trabalhou com Salvador Dalí, de quem sofreu fortes influências na sua obra surrealista.

Trailer


Cidade dos Sonhos

Dirigido pelo renomado David Lynch do “Clube da Luta”, uma jovem atriz viaja para Hollywood e se vê emaranhada numa intriga secreta com uma mulher que escapou por pouco de ser assassinada, e que agora se encontra com amnésia devido a um acidente de carro. Seu mundo se torna um pesadelo e surreal.

Curiosidades:

  • Originalmente idealizado para ser uma série de televisão de mesmo nome, devido ao sucesso de Twin Peaks.
  • O filme rendeu o prêmio de melhor diretor do Festival de Cannes.
  • O nome do filme vem de uma avenida famosa em Los Angeles que recebeu o nome em homenagem ao engenheiro William Mulholland.

A Primeira Noite de Um Homem

Benjamim acaba de se formar na universidade (por isso que o nome do filme original é “The Graduate”, que quer dizer o graduado) e, ao voltar para casa nas férias, é seduzido pela Sra. Robinson, uma atraente mulher de meia-idade, amiga de seus pais. O romance de verão se estende até que Ben se apaixona pela bela filha da amante.

Curiosidades:

  • Em janeiro, “A Primeira Noite de Um Homem” voltou às salas de cinema numa versão remasterizada
  • A trilha sonora foi feita pela dupla Simon e Garfunkel. Com certeza você já ouviu “Mrs. Robinson” e “The Sound of Silence”. Recentemente, a última música citada virou meme, principalmente quando alguém em vídeo parece triste coloca a parte da música: “Hello Darkness, my old friend” juntamente com uma imagem em preto e branco.
  • Venceu o Oscar de Melhor Direção (Mike Nichols) e os atores Dustin Hoffman, Anne Bancroft e Katharine Ross receberem indicações de melhor ator, atriz e atriz coadjuvante, respectivamente.
  • Na época o filme foi polêmico pelo fato de uma senhora de meia-idade ter um caso com um jovem bem mais novo.
  • O ator Robert Redford foi convidado para interpretar o personagem que seria de Dustin Hoffman, que ficou famoso mundialmente coma película, mas desistiu do papel por considerar que não conseguiria interpretá-lo com o ar de ingenuidade que o personagem pedia. Quem ganhou com isso foi o Hoffman,

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *