Adivinha que está de volta na praça? O Eco Praça!

Após praticamente um ano parado, o Eco Praça está de volta em atividade após ter conseguido entrar em um dos 19 projetos culturais aprovados pela empresa Cosern, através da lei Câmara Cascudo. O lançamento do evento aconteceu nesta semana, no Parque das Dunas, dentre as novidades está uma edição fora de Natal, mais precisamente na cidade de São Miguel do Gostoso.

Leia Também:

Até agora, já foram realizadas 35 edições, envolvendo cerca de 80 mil pessoas, 400 artesões e expositores, 120 apresentações culturais, 38 vivências e 38 oficinas e 40 atividades com temáticas relacionadas ao meio ambiente. Este ano, o projeto vai ser realizado nas cidades de São Miguel do Gostoso (de 02 a 04 de novembro, na Praça Nilo Neri, Praia da Xêpa) e em Natal (02 a 03 de dezembro, na Praça André de Albuquerque, no Centro Histórico).

Para as duas edições, o tema a ser trabalhado no projeto Eco Praça é a “Resiliência”. A estrutura utilizada pelo projeto será toda em bio construção, feita com materiais totalmente ecológicos. Também já está previsto o plantio e distribuição de mudas com objetivo de amenizar os danos causados pela emissão de CO2 nas mais diferentes atividades do dia a dia.

O Eco Praça já promoveu ações conjuntas com inúmeras manifestações artísticas e culturais em vários bairros da cidade, em importantes praças e parques públicos de Natal, tai como a Praça Cívica, Praça André de Albuquerque (Praça Vermelha), Área de Lazer do Conjunto Panatis, na Zona Norte, e Parque de Capim Macio, entre outros.

Em 2016, o Eco Praça chegou ao interior do estado com a realização do projeto nos municípios de Pedro Avelino e Lajes, em parceria com o Vila Cidadã, ação promovida pelo Governo do Estado.

Em 2015, o projeto foi reconhecido pelas ações realizadas com a Comenda do Mérito Folclorista Professor Deífilo Gurgel, entregue pela Câmara Municipal de Natal, com o “Prêmio Hangar de Iniciativa Cultural”, no 13º Prêmio Hangar de Música e com o Troféu Cultura, na categoria Produtor Cultural do Ano. No mesmo ano, o Eco Praça participou do Encontro Brasileiro de Agroecologia Urbana (ENAU), no Rio de Janeiro, e do Festival de Cinema Goiamum Audiovisual. Em 2016, a proposta foi incluída na programação de atividades autogestionadas do Fórum Social Mundial de Porto Alegre.

A programação de São Miguel do Gostoso já está fechada, confira detalhes abaixo:

5ª feira (02/11)

Oficina de Bio construção com Geovane Almeida – Mestre em Dinâmica Socioambiental e reestruturação do território
Mutirão de Revitalização da Praça Nilo Neri (Praia da Xêpa)

6ª feira (03/11)

Palestra: Criatividade no processo de criação e gestão da marca que transforma ideias em moda e Kombi em loja itinerante com Raoni Fernandes (Pós-graduado em Marketing e CEO da Sem Etiqueta)
Teatro: Espetáculo Sancho Pança – Tropa Trupe
Música: Forró com o Trio Ariado

Sábado (04/11)

Oficina de Compostagem: Como reaproveitar os resíduos orgânicos das residências e as relações entre as pessoas, o consumo e o meio ambiente com o permacultor Hugo Diógenes
Arte Urbana: Oficina e ação de Graffiti e Exposição Coletiva Graffiti Expo Natal
Feira de Economia Criativa do Sebrae/RN
Intervenção Circense: Tropa Trupe
Música: Skarimbó, Luísa e Os Alquimistas e Orquestra Greiosa

Está rolando o Festival Internacional de Violão em Natal

Além da Cientec, a UFRN também promove o Festival Internacional de Violão, no qual as atividades começam nesta quinta-feira (26) e segue até sábado (28). O evento recebe apoio da PROEX, Arte Musical, Michael Instrumentos, e PHX Instrumentos, e traz artistas e professores de notória representação no cenário musical nacional e internacional para três dias de master classes, palestras e concertos.

Participam este ano do festival os professores da UFRN: Álvaro Barros, Eugênio Lima e Ezequias Lira (coordenadores), e são convidados os violonistas Fidja Siqueira, Guilherme Calzavara e o Quinteto de Bandolins do Recife, o Duo Siqueira-Lima que fará o concerto de abertura, no auditório Onofre Lopes, às 19h30, com entrada à R$ 10, entre outros musicistas da área.

A seguir confira a programação cultural da mostra a seguir:

26/10 – Quinta-feira

19h30 – Concerto de Abertura: Duo Siqueira-Lima (Auditório Onofre Lopes). Entrada: R$ 10,00

27/10 – Sexta-feira

16h30 – Mesa redonda: O Violão no Rio Grande do Norte e “Vida e obra de Amaro Siqueira”  Prof. Fidja Siqueira (UFRN), Prof. Dr. Cláudio Augusto Pinto Galvão (UFRN) e Prof. Dr. Álvaro Alberto de Paiva Barros (UFRN); (Sala 23);

19h30 – Camerata de violões do RN; (Auditório Onofre Lopes). Entrada Gratuita

20h30 – Recital do violonista Renan Simões (UERN); (Auditório Onofre Lopes). Entrada Gratuita

28/10 – Sábado

11h00 – Recital Amaro Siqueira com Alexandre Siqueira (Auditório Onofre Lopes); Entrada Gratuita

11h30 – Homenagens (Auditório Onofre Lopes); Entrada Gratuita

11h45 – Divulgação e premiação dos vencedores do 1º CIVAS (Auditório Onofre Lopes); Entrada Gratuita

19h00 – Concerto de Encerramento da VI AVUFRN e do V FIVN e Guilherme Calzavara & Quinteto de Bandolins do Recife (Auditório Onofre Lopes); Entrada Gratuita

Para os estudantes, haverá atividades acadêmicas no evento

Além disso, haverá atividades especiais, como palestras e workshops. As Inscrições seguem até esta sexta-feira (27), e podem ser feitas por meio do e-mail:  producao.musica.ufrn@gmail.com. É necessário o pagamento de taxa para ouvintes no valor de R$ 30, ou para executantes no valor de R$ 50, na Secretaria de extensão da EMUFRN.

Os alunos que desejam participar do I Concurso Internacional Amaro Siqueira que acontece em paralelo ao festival devem acessar https://mostraviolaoufrn.wordpress.com/concurso-amaro-siqueira/incricoes/.