Cinema

Divina Divas, que fala da primeira geração de performistas, será exibido em Natal

Compartilhe:

O elogiado filme “Divinas Divas”, dirigido pela atriz global Leandra Leal, finalmente estará disponível nas terras natalenses, uma vez que a produção elogiada pela crítica especializada será uma das atrações do Festival Cine Sol, na Praça Augusto Severo, no bairro da Ribeira, e acontecerá simultaneamente com o Festival Literário de Natal (FLIN). A exibição acontecerá na próxima sexta-feira (10), às 19h30, na Tenda Moacy Cirne.

O  documentário, bastante premiado no Festival do Rio, fala de oito travestis que representam a história da arte performática no Brasil: Rogéria, Jane Di Castro, Divina Valéria, Camille K, Fujika de Halliday, Eloína dos Leopardos, Marquesa e Brigitte de Búzios. Todas artistas hoje com mais de 70 anos que alcançaram os 50 de carreira, personificando recordes no país sob todos os ângulos e, sobretudo, esquivando preconceitos.

Nele, Leandra relembra a trajetória das travestis que debutaram no Teatro Rival, marco da contracultura no Rio de Janeiro, fundado por seu avô, Américo Leal, e que permanece de portas abertas no centro da cidade, sob o comando da família. Ao resgatar suas histórias, as oito protagonistas celebram todo o tempo as figuras femininas inspiradoras. Assim vão surgindo os inúmeros relatos de preconceito e tomando forma nos bastidores do Rival as pessoas reais.

Após a exibição, Jani Di Castro, uma das participantes do doc, participará de um bate-papo com André Santos, um dos idealizadores do curta “No Fim de Tudo”, que tem como protagonista o ator Silvero Pereira.

O teaser pode ser conferido a seguir:

Festival Cine Sol

O Cine Sol começa na quarta-feira (8) com a exibição do curta-metragem “Mar de Zila”, de Ariane Mondo. Depois haverá um bate papo com a realizadora, além da exibição do longa-metragem “Torquato Neto Todas as Horas do Fim” de Marcus Fernando e Eduardo Ades (também haverá bate papo com Marcus Fernando pós exibição).

Na quinta-feira (9) serão exibidos trechos dos projetos “Todavia”, de  Herison Pedro, o curta-metragem “O Velho Rei” (9’)  e “Doido Lelé” , seguidos da Mesa Redonda “Representatividade Negra no Audiovisual” com Herison Pedro (RN), Milton Gonçalves e Ceci Alves (BA) com mediação de Gilson Rodrigues (RN). Depois tem o debate  “CINEMA: do roteiro ao mercado”, com João Falcão (RJ) e mediação de Ruy Rocha.

Na sexta-feira o Cine sol continua com a exibição do Teaser do curta “A Parteira”, de Catarina Doolan e da exibição do Longa-Metragem “Como Nossos Pais”, de Laís Bodanzky. Depois tem mesa redonda “Protagonismo Feminino no Cinema” com Catarina Doolan (RN), Bárbara Cariry (CE), Carla Camurati (RJ) e Laís Bodansky (SP) com mediação de Dênia Cruz. À noite tem exibição do curta-metragem “No Fim de Tudo”, do longa-metragem “Divinas Divas”  e um bate-papo com Jane di Castro (Divinas Divas) e André Santos (No Fim de Tudo).

No sábado tem Talk Show com a dubladora Taryn Szpilman (RJ) e canções do filme Frozen. Exibição do longa-metragem “Saudade”, de  Paulo Caldas e um bate papo com o produtor. Depois tem a mesa Redonda “O Nordeste na Cena Contemporânea” com César Ferrário (RN), Zezita Matos (PB), Luiz Carlos Vasconcelos (PB) e Paulo Caldas (PE) com mediação de Durval Muniz (UFRN).

À noite tem exibição do curta-metragem “Leningrado, Linha 41”, com bate papo com Dênia Cruz . E a partir das 20h tem Lançamento do longa-metragem “Chapéu Estrelado” e um bate papo com Silvio Coutinho e para fechar o Cine sol haverá uma homenagem aos 30 anos do festival de Cinema de Natal, o FestNatal.

 

Lara Paiva

Oi, eu sou o Goku. Mentira, meu nome é Lara. Sou jornalista e publicitária formada pela UFRN, natural de Natal. Sempre fui de humanas. Tem um blog para expor as suas curiosidades e anseios desta vida e mostrar os diferentes lados da vida urbana.

Você também pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *