A Intentona Comunista na visão d’O Globo

Cidades
Compartilhe:

O Estado Novo foi quando Getúlio Vargas governou em regime ditatorial, uma vez que alegara uma ameaça ao poder. Além disso, um dos fatores foi a Intentona Comunista, uma vez que era o levante liderado por Luís Carlos Prestes, fundador do Partido Comunista do Brasil (PCB), no qual fez Natal ser guinada à esquerda por poucos dias. Foi uma tentativa de fazer uma Revolução Russa no Brasil, visto que aconteceu 20 anos antes. De todos os estados existentes na época, apenas o Rio Grande do Norte conseguiu colocar o plano na prática.

Na época, Prestes fez contato direto com a Internacional Comunista e foi convidado para passar uma temporada de estudos do marxismo-leninismo na União Soviética, para onde viaja em setembro de 1931 e permanece até abril de 1934, quando chega ao Brasil, em companhia de Olga Benário.

Aconteceu no dia 23 de novembro de 1935 por militares, em nome da Aliança Nacional Libertadora. O objetivo era uma revolução “nacional-popular” contra as oligarquias, o imperialismo e o autoritarismo, sendo as principais reivindicações eram a abolição da dívida externa, a reforma agrária e o estabelecimento de um governo de base popular.

Mas, qual foi a visão do jornal O Globo?

1) O jornal acusou a turma de Luís Carlos Prestes de extremistas

A Intentona Comunista, como falamos anteriormente, aconteceu em novembro de 1935, quando ex-militares do Exército entraram no antigo quartel, onde hoje é a Casa do Estudante.

A revolta tiveram como líderes os sargentos e cabos filiados ao Partido Comunista do Brasil. Além disso, o movimento teve o apoio de operários, populares e ex-integrantes da guarda civil do Estado, cargo similar à Polícia Militar.

Os manifestantes se chamavam de “Comitê Popular Revolucionário”. Durante três dias seguidos administraram Natal em um regime comunista. Ainda tinha o apoio 17 cidades do estado do Rio Grande do Norte. No interior, entretanto, os manifestantes fugiram por conta da aproximação de tropas do Governo Federal.

Mas, o jornal, focou apenas em falar do Rio Grande do Norte.

2) Uma das coisas que mais me chamou foi se referir o Nordeste como Norte

Calma, a divisão geográfica das regiões do Brasil eram assim mesmo. Além disso, eles estavam seguindo a divisão estabelecida no ano de 1913. Essa proposta de divisão regional do Brasil surgiu, no entanto, para ser utilizada no ensino de geografia. Os critérios utilizados foram apenas os elementos – clima, vegetação e relevo. Dividia o país em cinco regiões: Setentrional, Norte Oriental, Oriental e Meridional.

O termo Nordeste entrou na divisão da Geografia do país apenas em 1945. Ou seja, 35 anos depois.  Em 1970, o Brasil recebeu o desenho regional atual.

3) Enfatizar a posição do Governo Federal, na época de Getúlio Vargas

Toda a posição e versão sobre a Intentona Comunista era através da declaração do Governo Federal, que levou tropas para conter os dias de dominação do PCB.  Não houve entrevistas com membros comunistas, que muitas vezes eram vistos como pessoas rebeldes e extremistas.

4) Comemoraram o fracasso da Intentona Comunista

Após a derrota do PC, a manchete do jornal O Globo comemorou a vitória das Forças Armada e fez uma ampla cobertura com fotos de como ficaram os locais na região, além de mostrar que a ação foi uma tragédia do que seria o 11 de setembro. Destaque para uma ortografia totalmente diferente.

O que é jornal O Globo?

A cobertura da Intentona Comunista marcou a cobertura do início do jornal O Globo, que tinha quatro meses de fundação. Funcionou como jornal vespertino até 1962, quando se tornou matutino. De orientação política conservadora, é um dos jornais de maior tiragem do país.

Ao lado de Folha de S. Paulo, Estado de Minas, Zero Hora, Valor Econômico, Correio Braziliense e O Estado de S. Paulo, entre outros, forma o grupo dos principais jornais de referência do Brasil, esses, junto ao jornal popular Super Notícia, são os jornais brasileiros de maior circulação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *