Morbid Garden

Tempo de leitura: 2 minutos

Agora é o momento de falar de Metaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaal. Este coração bate pelo heavy metal e já falamos diversas vezes sobre o assunto, principalmente indo numa pizzaria em Natal que só toca o estilo, no qual infelizmente fechou. Recentemente, no meu Instagram me deram a sugestão de falar de Morbid Garden, no qual me mandaram um material para falar sobre o grupo.

Primeiramente, eles mandaram um clipe chamado The Immortal Child, que foi gravado totalmente na vertical e de propósito. Bom para a banda, visto que vai divulgar o clipe inteiro via stories e IGTV. A música é legal, mas o chroma key e o bebê estilo Crepúsculo poderiam ser descartados facilmente.

Tenho trauma de chroma key desde a produção do filme Nova Amsterdam.

Já o segundo clipe, chamado de Scars In My Life foi gravado agora, neste período de quarentena do Covid-19. O vídeo tem como cenário a casa de cada um dos músicos durante o isolamento social em Maio de 2020, que ficou bem melhor que o primeiro clipe citado, mostrando que não precisa de coisa grande para fazer um bom vídeo.

O que é essa banda, mulher?

O nome da banda é Morbid Garden e começou a sua carreira há pouco tempo, mostrando que dá para tirar leite de pedra e produzir música em plena pandemia. Apesar de ser uma banda nova, a ideia existe há quase 15 anos.

O vocalista da banda é o George Rocha que passou por várias bandas. Em 2008, ele criou o The Garden, com uma sonoridade mais puxada ao metal gótico. No entanto, as coisas não deram muito certo e somente 10 anos que começou a engrenar.

O retorno da banda ocorreu novamente no ano de 2018, momento em que se constituiu de um novo elemento sonoro, optando-se também pela troca do nome: Morbid Garden. A banda segue atualmente uma linha de Metal Sinfônico, mas com uma grande influência de bandas como Dirmmu Borgir, Therion e Amon Amarth.

Você pode ler também:  Qual era este shopping na foto?

Por isso, no clipe de “The Immortal Child” apresentam corpse paint, mostrando uma clara influência do Dimmu Borgir, um dos pioneiros do metal norueguês.

Eles lançaram ainda um disco na quarentena

Capa do disco do grupo

No início de agosto de 2020 a banda lança seu EP em meio a pandemia da COVID 19 intitulado “Quarantine”, título mais sugestivo no momento que estamos vivendo. O EP conta com 4 (quatro) faixas sendo a última uma faixa bônus da música single “The Immortal Child” remasterizada.

Cada músico gravou o EP em casa e a mixagem foi por conta de Paulo Henrique S. Dantas.

A formação atual da banda Mordid Garden conta com músicos já atuantes de antiga data do cenário underground do Estado. Fazem parte dela: George Rocha (vocal); Antônio Nunes (guitarra), Pierry Sanclair (baixo) e Sammy Júnior (bateria).

Criador do Jumbo Wing

George Rocha, além do metal, é empresário. Ele criou o Wing Burger, uma hamburgueria da cidade que todos os seus cardápios tinham nome de avião. Foi a ideia de George de criar um Jumbo Wing, no qual todas as quartas, ele desafiava os clientes a comer um sanduíche de 2,4kg em quase 1 hora.

Para ler a matéria completa, portanto, é só clicar neste link.


Post Anterior | Próximo post

Deixe uma resposta

Clique na imagem abaixo para comprar o nosso livro

Você ainda não leu a revista do Brechando? Clique no link a seguir e leia um conteúdo exclusivo.

Sobre a autora

Jornalista formada pela UFRN, criou o blog em 2015 e não esperava que fosse fazer altas brechadas sobre Natal-RN e outras cidades que visitou. Gosta de trabalhar com a internet, mídias sociais, fotografar e escrever. Clique aqui para saber mais sobre mim.

Desenho: @umsamurai

Brechando Vlog

Arquivos

Calendário

dezembro 2020
S T Q Q S S D
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

Categorias