Um pequeno passo para acreditar na humanidade

Essas mãos são de três crianças. Elas brincam, gostam de comer bagana, possuem um local para dormir, fazem besteira, querem diversão, estudo e poderiam ser seus amigos de infância. Era o que deveria ser comum, que é estabelecido pelo Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). Porém, não é bem assim que as coisas acontecem. […]

Continue Brechando