Violeta Porra

Tem vídeo da Violeta Porra cantando na Praia dos Artistas

Violeta Porra é uma cantora que se inspirou no nome artístico a Violeta Parra. Os frequentadores da Praia dos Artistas nos anos 80, em grupo do Facebook, contam altas histórias da artista. Mas, infelizmente, não havia material suficiente para conhecer a figura.

Achamos um vídeo de Violeta Porra em 1992 gravado para mostrar as praias urbanas de Natal mais do Litoral Sul que compõe a Rota do Sol. Uma das imagens mostra a Violeta Porra cantando de forma embromada músicas brasileira e claro postamos no canal do Youtube.

Confira a seguir:

Para ver o vídeo completo é só clicar neste link .

Quem é essa abençoada, a Violeta Porra?

Nos anos 80, uma estrangeira adorava andar na orla da Praia dos Artistas e também no centro de Natal. O seu nome era Marina, mas ninguém a conhecia por esse nome. Para os natalenses, no entanto, era a Violeta Porra, no qual era conhecida pela sua loucura (falava coisas confusas, mas engraçadas), seu português quase impronunciável, por conta do forte sotaque, e, por conseguinte, o seu estilo irreverente, que já falamos por aqui.

Violeta Porra morou primeiramente em Mossoró

A única coisa que sabemos que ela é da América do Sul. Alguns falam que nasceu no Chile, outros apontaram de que era do Paraguai e ainda tem a dúvida se era de Uruguai. Entretanto, ela veio ao Brasil perambulando pelo mundo de uma forma bem hippie. A sua primeira parada foi nas terras mossoroenses, onde ela cantava, dedilhava o violão e começava a sua carreira de artista. Alguns comentaram que chegou a se prostituir para garantir algum sustento.

Sua carreira na música

A artista ganhou a fama mesmo quando veio à Natal, um pouco mais velha. O seu desgaste, por conta dos acontecimentos da vida, eram rapidamente encobertos por sua extravagância. Na sua vestimenta usava uma maquiagem carregada, tranças no cabelo, saias longas e não podemos esquecer óculos e chapéu gigantes. Alguns diziam que ela tocava ruim e cantava ainda pior.

Show com Gato Lúdico no Teatro Alberto Maranhão

O Gato Lúdico é uma banda que já falamos no Brechando. Além disso, colocou Violeta Porra no palco do Teatro Alberto Maranhão para uma participação especial. O teatro veio abaixo. Naquela noite viu-se que Violeta Porra, com a sua porra-louquice e suas canções, havia se tornado uma estrela querida de todos. Podemos dizer que foi o maior show de sua vida.

Paulinha Abelha morre

Paulinha Abelha, do “Calcinha Preta”, morre aos 43 anos em Aracaju

Nesta quarta-feira (23), a cantora Paulinha Abelha faleceu em Aracaju, Sergipe. Em coletiva anunciada pela imprensa, a equipe da banda de forró Calcinha Preta anunciou a que o coma da cantora era profundo. Ela estava internada para luta contra complicação nos rins e não resistiu ao tratamento. A artista visitava bastante o Rio Grande do Norte e por isso resolvermos realizar esta postagem, assim como aconteceu com Marília Mendonça.

A sua última apresentação nas terras potiguares foi em novembro de 2021. Deixou esposo e um filho. Tem um vídeo do Ceará Abelha comentando sobre o show.

No sábado, o Brechando fez uma homenagem à cantora

A cantora Paulinha Abelha está internada enfrentando uma batalha contra a insuficiência renal. Entretanto, o Brechando realizará uma homenagem à cantora conhecida pela formação clássica do Calcinha Preta, que é a banda de forró mais metaleira que conhecemos. Queremos falar da música que o título é seu nome.

Além disso, Calcinha Preta é lembrada pelas versões em português de ritmos famosos no estrangeiro.

E Angra, Heart, Mariah Carey, Bruno Mars e entre outros artistas estão na playlist. Mas, a versão “Paulinha” foi a que mais marcou a banda, pois foi uma tiração de onda do fato da cantora Paulinha se casar com o outro cantor da banda, Marlos Abelha.

Como surgiu a carreira de cantora

Nascida em 16 de agosto de 1978, Paula de Menezes Nascimento iniciou sua carreira musical aos 12 anos, no interior do Sergipe.
Na época, ela cantou na banda Flor de Mel durante três anos e logo foi convidada para integrar o grupo Panela de Barro, quando conheceu Daniel Diau, mossoroense radicado em Sergipe.

Assim, juntamente com Diau, integraram a formação clássica do Calcinha Preta.

Ficou na banda até 2010. Ela deixou o grupo para seguir seu então marido, Marlus Viana, com a GDÓ do Forró. Nesta mesma época o hit “Paulinha” estourou nas rádios e virou sucesso, para os pesadelos das noivas que se chamavam Paula.

Para saber mais é só clicar neste link aqui.

Lus

Esta cantora é Lus e nesta sexta lança seu single

A foto de Arthur Abrantes acima mostra uma bela jovem de 24 anos chamada Lus. Nesta sexta-feira (30) vai lançar o single, que é a versão original da canção “Despido”, que também escreveu. Lus é cantora e compositora atuante na cidade de Natal e tem 24 anos.

Atualmente com 24 anos, a artista iniciou sua carreira em 2016 e desde então vem se destacando no cenário autoral local com suas canções. Com uma voz doce, a canção é gostosa de escutar e transições bastante originais, fazendo com que acompanhamos a história da canção em nossas cabeças.

Além disso, entre seus principais lançamentos estão o álbum “Efêmero” de 2019 e uma série de singles, que vem consolidando seu caminho musical como um pop alternativo acompanhado de elementos étnicos, como por exemplo o uso de tambores, e ótimas melodias.

Ainda mais a artista já participou de eventos como o Sonora, Festival Dosol e ano passado foi selecionada para compor a programação do projeto “Arte como Respiro”, pertencente ao Itaú Cultural.

A versão oficial da música “Despido” nas plataformas digitais, faixa que contou com produção musical de Vik Romero e lançamento pelo selo Rizomarte Records.

E, agora, como ela diz na música: “ouça meu verso”. Como? Acessando, portanto, as principais plataformas de streaming, clique aqui.

Selminha

Uma cantora potiguar chamada Selminha

A primeira vez que tive o contato com a Selminha foi durante uma visita ao Balalaika em 2019, mas somente agora conheci um dos trabalhos dela. Há dois anos, eu tinha achado pouco material sobre a cantora e agora finalmente posso falar o suficiente desta profissional que ficou conhecida em Natal como a “Musa do Forró”, no período que disputava frente a frente com a Eliane. 

Mas, na verdade, ela parece uma versão forró da Gretchen. Confira esta apresentação no programa de Carlos Alberto, na TV Ponta Negra.

O seu blog, mencionado na matéria do sebo Balalaika, ainda existe. Lá, ela disse que nasceu em Natal e veio de uma família circense. Aos oito anos já se apresentava, mas aos 13 lançou seu primeiro compacto, vendido facilmente pelo Mercado Livre por 33 reais e já lançou em torno de 10 discos, sendo dois em Portugal. Um destes compactos está no You Tube. Dê o play a seguir:

Hoje, ela canta pelo interior do Rio Grande do Norte.

Esta é uma foto atual de Selminha:

Selminha nos tempos atuais

Hoje ela ainda está em atividade, cantando das pequenas até grandes casas de shows de forró. Além disso, montou uma banca com o seu filho, que toca sanfona e recentemente lançaram um EP, clique aqui para escutar

Também é uma figurinha carimbada nas apresentações do carnaval e de São João da Prefeitura do Natal. Mas, ainda sonha com uma fama nacional, visto que nas décadas de 80 e 90 já chegou a cantar em vários estados do Nordeste. Ainda é convidada a participar dos programas locais, uma vez que há dois anos participou do programa da Fátima Mello

 

Na quarentena, ela lançou um clipe chamado “Tenha Fé”, com letra escrita por ela mesma.