Alice Carvalho

Alice Carvalho está em série da Amazon, produção da O2 Filmes

Artistas Potiguares
Compartilhe:

No início do mês, a Amazon anunciou uma nova série chamada “Novo Cangaço”, no qual terá como protagonista atores nordestinos. Uma delas é um rosto famoso na terra potiguar, a atriz Alice Carvalho, que estrelou a websérie “Septo”. Além disso, a série tem a produção da paulistana O2 Filmes, uma das maiores produtoras do país e tem como um dos seus sócios o Fernando Meirelles. Ele é simplesmente o diretor de “Cidade de Deus”, que recebeu quatro indicações ao Oscar em 2004.

Aos 24 anos, Alice Carvalho possui experiência como atriz, roteirista e dramaturga. Sua formação de atriz foi adquirida em workshops e oficinas livres. Sem contar que já lançou dois livros, “Do Amor”, baseado em uma peça, e “A Princesa Empoderou”.

Alice Carvalho realizou muitos trabalhos relevantes em 2021

A série documental “Agô”, da atriz, roteirista e dramaturga potiguar Alice Carvalho, foi premiado no Rio WebFest. Este é o maior festival de webséries do mundo. A potiguar recebeu o prêmio de Melhor Ideia de 2020. A produção, que está em fase de desenvolvimento em parceria com a Caboré Audiovisual, apresenta a trajetória de uma mulher negra e nordestina em busca da sua linhagem ancestral ao redor do mundo, partindo do Nordeste brasileiro rumo à Europa colonizadora e encontrando desfecho na África.

“Agô”, que vem do Yorubá e significa “pedir licença”. Se encaixa com a premissa da série, porque expressa desejo de dar passagem, de dar espaço para o que transita. Os seis episódios em formato de roadserie nesta primeira temporada trazem em seu escopo o encontro de personagens reais com sua cultura e seu povo originário. O trabalho conta ainda com os cineastas André Santos, Athos Muniz e Juh Almeida.

A série vem de um elemento surpresa: a abertura do resultado de um teste de ancestralidade feito no laboratório Genera. A pesquisa analisa DNA mitocondrial e do cromossomo Y. Como resultado, mostra os caminhos percorridos pelos antepassados de Alice e de todo resto da equipe. Esse exame que pode rastrear uma estrutura familiar de até 50 mil anos será o mapa na busca pelo desconhecido.

Sobre “Novo Cangaço”

Dirigida por Aly Muritiba e Fábio Mendonça, a produção soma oito episódios. Vem sendo filmada em locações no nordeste, mas o enredo se conecta diretamente com o sertão cearense.

O roteiro conta com Fernando Garrido, Mariana Bardan, Eduardo Melo, Erez Milgrom e Viviane Pistache. Além disso, a série conta a história de Ubaldo (Allan Souza Lima), um infeliz bancário da zona urbana de São Paulo sem nenhuma lembrança de sua infância. Ele descobre, no entanto, que tem uma herança e duas irmãs no sertão cearense: Dilvânia lidera um grupo que adora eventualmente seu famoso pai falecido; e Dinorah é a única mulher em uma gangue de ladrões de banco, que é o nome da personagem de Alice.

Ubaldo chega à cidade, passa a ser cultuado pela forte semelhança com o pai. Assim sendo chamado a cumprir seu destino como o novo mítico “cangaceiro” e líder supremo da gangue. E enfrentará bandidos, assassinos, policiais corruptos e até explodir pequenas cidades. Ainda mais  embarca em sua jornada, sempre em conflito com seus valores morais, o que ele tenta manter sob controle.

Amazon está investindo em produções nacionais

A Amazon Prime Video demorou a iniciar suas produções no Brasil, mas o resultado de investimentos em produções de alta qualidade tem aparecido por meio de sucessivos lançamentos e anúncios de novos títulos.

Dirigida por Aly Muritiba e Fábio Mendonça, a produção soma oito episódios e vem sendo filmada em locações no nordeste, mas o enredo se conecta diretamente com o sertão cearense.

“Novo Cangaço” está prevista para desembarcar, portanto, em 240 países ou territórios, como aconteceu com “Manhãs de Setembro” e “Dom”, cuja 2ª temporada já vem sendo finalizada.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.