La Luna

RJ lota bar e Natal, La Luna de The Sims

brechadas Curiosidades
Compartilhe:

A elite carioca recentemente chocou os outros estados brasileiros por se amontoar sem máscara e filas sem precedentes para abertura de um bar no bairro do Leblon. Mas, aqui os bares estão previstos para serem abertos no final do mês e com muitas críticas ao Governo do Estado.

Por isso, uma jovem de Natal, após pedidos dos amigos, resolveu divulgar no Twitter que fez uma réplica do La Luna, famoso bar alternativo da cidade, no The Sims, onde combina com todos os amigos de se encontrarem.

O bar original é esse daqui:

La Luna

Sim, ela utilizou o jogo de simulação de pessoas para relembrar a vida social antes da quarentena.

Veja o tweet a seguir:

Como vocês devem perceber, a saudade do bar está gigante, mas a cautela continua. Além disso, comentou que o próximo passo é o Beco da Lama.

E, vocês, já criaram um bar virtual ?

Sobre o The Sims

The Sims é uma série de jogos eletrônicos de simulação de vida real criado pelo designer de jogos Will Wright e produzida pela Maxis. O primeiro jogo da série, The Sims, foi lançado em 4 de fevereiro de 2000. Atualmente, ele tem quatro versões e é bastante jogado.

Nos jogos, o jogador cria e controla a vida de pessoas virtuais e constrói casas e lotes. Além disso, as suas expansões pode construir estabelecimentos comerciais, postos de empregos e também simular como é a vida de um The Sims nas ruas.

O La Luna de The Sims foi feito na terceira versão do jogo.

É como você fosse um Deus na vida desses bonecos.

Sobre o La Luna

Devido às aberturas e fechamentos dos espaços de entretenimento em Natal, muitos natalenses, principalmente os adolescentes e jovens adultos, tratam os espaços públicos com muito esmero. É normal ouvir que esporadicamente algumas praças e estacionamentos viram ponto de encontro de amigos e de certas tribos urbanas da cidade.

O La Luna uniu o melhor dos dois mundos (bem Hannah Montana mesmo!), quando abriu um bar em um quiosque fechado, onde é conhecido por estar próximo da parada dos ônibus intermunicipais.

Por causa disso, aquela região de Neópolis, que era bastante escura e perigosa, ficou movimentada durante a madrugada, principalmente serviu como uma rota de fuga daqueles baladeiros que querem salvar o rolé fiasco ou encontrar os amigos para beber aquele litrão, deixando os proprietário do Big Peter de cabelo em pé.

Era o espaço onde podia dividir com um amante do reggae, headbanger e um indie sem se preocupar com que os outros vão julgar.

De vez em quando a gente paga de político e encontra todos os conhecidos naquele equilátero que fica o bar.

O bar era ideal para aqueles que queiram dá aquela paquerada além do Tinder ou Happn (depende do aplicativo que você quer usar), além de encontrar os amigos para aquela social regada à cerveja Cacilds.

Para saber mais do La Luna, clique neste link.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.