Desenvolveram um guia para fazer sexo oral nas mulheres

Muitos falam do famoso boquete (utilizando o termo popular, porém nada formal, mesmo), conhecido sexo oral que as mulheres fazem nos homens. Seja em música ou filme pornô, este tipo de prática é ensinada como a certa e que a mulher deve satisfazer apenas o homem e não a mesma. Porém, poucos se falam do inverso e algumas mulheres suplicam que façam, porém muitos machos não sabem ou sentem nojo de fazer isso. Por isso, a artista natalense, Sunsara, teve a brilhante ideia de criar praticamente um tutorial completo para ensinar os machos a satisfazer a mulher utilizando o paladar.

As dicas da artista, que realmente desenhou para ensinar, podem ser vista a seguir:

Faz tempo que a artista tenta tirar o tabu do sexo, conforme já falamos no texto publicado no ano passado. Por falar em 2017, a rapper Karol Conka também fez uma música sobre oral feminino, que o clipe pode ser visto a seguir:

Por falar em sexo oral,  um estudo realizado pela Universidade Johns Hopkins, nos Estados Unidos, descobriu que lactobacilos (aquelas bactérias benéficas que tem no leite fermentado estilo Yakult) podem ser obtidos através de sexo oral na mulher. Estas bactérias mantém a acidez vaginal, não precisando, portanto, usar aqueles sabonetes de higiene íntima.   Os pesquisadores, cerca de 70% do fluido vaginal é composto por 5 tipos de lactobacilos com potencial probiótico: Lactobacillus crispatus, Lactobacillus jensenii, Lactobacilus iners, Lactobacillus gasseri e Lactobacillus reuteri.

O resultado desta pesquisa foi realizada no ano passado.

Já no corpo de quem os ingere (lê-se homens), eles podem ser ainda mais positivos: ajudam a regular a flora intestinal, resultando em uma diminuição de emoções negativas; diminuem o mau hálito, além de reduzir a incidência de cárie e gengivite; criam uma barreira contra os agentes inflamatórios que favorecem o aparecimento de acne e rosácea, entre outros benefícios. Isso tudo, claro, se consumidos regularmente e em grande quantidade.

Essa última informação foi coletada no site da Hypeness.

E, agora, aprendeu a fazer sexo oral na sua mina ?

Gosta de dança? Companhia promove ensaio aberto com coreografia montada por coreógrafo premiado

O grupo “Entre Nós Coletivos” promoverá um ensaio aberto na próxima sexta-feira (22), às 18 horasno Teatro de Cultura Popular, anexo da Fundação José Augusto, no bairro de Petrópolis, zona Leste de Natal. O objetivo é mostrar o novo trabalho do gruopo, assinado pelo trabalho do coréografo premiado Henrique Rodovalho, criador da Quasar Companhia de Dança (Goiânia). O nome do novo trabalho é intitulado de  ‘Querendo’ desde o começo de fevereiro.

Rodovalho tem formação em artes marciais e Educação Física pela ESEFEGO , atuou como ator e bailarino antes de 1988, quando iniciou seus trabalhos como coreógrafo.

Ao longo dos anos, sua linha de pesquisa baseada na complexidade existencial do corpo e da alma resultou na criação de inconfundíveis signos, que deram identidade própria à Quasar, alternando momentos de vigor e pungência, humor e simplicidade. O envolvimento com produção de vídeos e a montagem de espetáculos revelou seu talento também na direção cênica e, por causa dessa característica, Rodovalho vem mostrando que consegue atingir importantes níveis de comunicação entre platéia e bailarinos. Além dos artifícios cênicos tradicionais, o premiado coreógrafo investe em estratégias multimídia para propor interação entre o mundo real e o universo imaginário recriado no palco.

Ganhador de prêmios nacionais e internacionais, O Prêmio Mambembe e o XXI Prêmio de Composição Coreográfica no México, cujo talento e a notoriedade conquistados através do trabalho desenvolvido com a Quasar proporcionou ao coreógrafo a oportunidade de trabalhar para grandes cias e profissionais de dança do Brasil e do mundo como o Balé da Cidade de São Paulo, Balé do Teatro Guaíra, Cia Sociedade Masculina, Discípulos do Ritmo, Cia de Dança Roda Viva, Rui Moreira, Flávia Tápias, Cia de Dança de Minas Gerais, o extinto Ballet da Fundação Gulbenkian, de Portugal, e Ballet Teatro del Spacio, do México, tendo sido convidado para coreografar na Holanda, um dos principais representantes da dança contemporânea mundial, o Nederlands Dans Theater, no ano de 2006.

Confira esta entrevista com o coreógrafo a seguir:

Nesta montagem, o Entre Nós Coletivo de Criação tem no elenco João Alexandre, Thazio Menezes, Anádria Rassyne e Ewerton Domingos. Somam-se aos potiguares, os bailarinos Rafael Abreu e Priscila Ribeiro da Virtual Companhia de Dança (São Paulo).

‘Querendo’ fala sobre a tentativa de construir um relacionamento amoroso, os encontros e desencontros, os interesses paralelos que atrapalham a jornada e a necessidade de entender o outro. O trabalho tem produção e iluminação de Marcelo Zamora, trilha sonora original de Danilo Guanais e direção de Diana Fontes.

Os interessados em participar do ensaio aberto devem enviar nome completo para o email espacovivopromocoes@gmail.com até o dia 21. A estreia do espetáculo estreia dia 15 de abril no Teatro Riachuelo na abertura do Encontro de Dança ao lado da companhia Focus (Rio de Janeiro).