Um padre foi quem produziu o primeiro disco de grupo de rock potiguar

Música
Compartilhe:

O que uma banda de rock é um padre têm em comum? Pensando assim, o rock e religião não são duas coisas que cabem no mesmo espaço, assim como dois corpos dentro de uma matéria. Porém, essa união culminou na produção do primeiro disco de banda de rock no Rio Grande do Norte. O grupo era o Sempre Alerta (na época que as bandas eram chamadas de conjunto) e o Padre João Penha Filho (que por sinal casou os meus pais há 26 anos) produziu o álbum.

Grupo na igreja em Macau (Foto: Blogs de Macau)

A banda era natural de Macau e tinha influência da Jovem Guarda e do surf music, muito cultuado por grupos americanos, como o Beach Boys. Um diferencial deste álbum, diferente do primeiro disco solo de Leno, foi a produção totalmente independente. Como eram da igreja, eles tinham aquele visual comportado, tipo na época dos Beatles quando eram os reis do Iê iê iê.

Uma das faixas do álbum pode ser escutada a seguir:

A gravação aconteceu no ano de 1968, em Recife, através da gravadora Rozenblit.

Capa do disco

O padre Penha acompanhava os meninos desde o tempo que eles eram escoteiros da Igreja Católica na cidade que fica no Norte do estado. Além disso, eles começaram a tocar durante as missas do religioso, deixando o ritual mais dinâmico, numa época que o latim e celebrante virados para plateia tinha acabado de ser uma obrigação. Assim este grupo quebrou aquele estereótipo que a capital era mais pioneira que no interior. Seus componentes foram: Francilúzio (guitarrista), Tonico (guitarra base), Simão (bateria). Jose Tavares (“vocais”) e Chagas (sax). O grupo já era famoso em Macau. Por isso a contra-capa diz que o disco foi “uma exigência” do povo da cidade.

O produtor musical Alexandre Alves, dentro do livro “100 discos de rock potiguares”, escrito por vários especialistas em música potiguar, destaca a bateria minimalista e o entrosamento entre os guitarristas. Este foi o único registro da banda e facilmente vendido por quatro mil reais no Mercado Livre. Na época, o disco foi tocado em varias emissoras de radio do Rio Grande do Norte e de outros Estados da região Nordeste. E

Em 1993, Simão e Chagas promoveram o encontro do grupo, mas sem poder contar com Chiquinho, morto num acidente de automóvel em 1972. Seu substituto, no show, foi Raimundo Silvestre. No segundo reencontro, quem estava nos teclado era Marquinhos, filho de Francilúzio.

O Padre Penha depois virou monsenhor e foi terminou sua vida como sarcedote como capelão da igreja do Colégio Nossa Nenhora das Neves. Aos 84 anos foi encontrado morto em sua residência no Alecrim, após sofrer uma parada cardíaca.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.