Utilidade Pública

Que tal uma oficina de fotografia toda feita em Libras?

Compartilhe:

A Língua Brasileira de Sinais, também conhecida como Libras, ajudou a inserir várias pessoas no mercado de trabalho e com a criação de um curso de Letras voltado para área na Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), várias pessoas estão cada vez mais capacitadas para trabalhar nas salas de aulas e ajudar com que empresas ajudem a entender este processo comunicacional. Uma das formas de inserir os surdos é a criação de uma oficina básica de fotografia para pessoas surdas, totalmente traduzida na linguagem, no qual as aulas começarão nesta segunda-feira (4) , das 18h30 às 20h30, no Campus Cidade Alta do IFRN (Avenida Rio Branco),

As atividades estão dentro do projeto Narrativas do Silêncio, uma iniciativa lançada em 2015 que visa ampliar a acessibilidade cultural de surdos realizada com patrocínio da Cosern, empresa do Grupo Neoenergia, por meio da Lei Câmara Cascudo de Incentivo à Cultura. As aulas vão até a próxima sexta-feira (8). As inscrições para a oficina de fotografia em Libras são gratuitas, limitadas e serão preenchidas por ordem de solicitação, podendo ser feitas na Associação dos Surdos de Natal (ASNAT), no Centro SUVAG e na Associação dos Surdos de Parnamirim (ASP).

Narrativas do Silêncio é um dos 19 projetos culturais patrocinados pela Cosern em 2017. Ele é voltado à acessibilidade cultural de pessoas surdas. Além da oficina de fotografia, que este ano será direcionada para a captação de imagens noturnas, a edição 2017/18 do Narrativas também contemplará uma apresentação teatral com atores surdos e uma exposição com fotos produzidas pelos participantes da oficina (em locais e datas a serem definidos em breve).

SERVIÇO:

Oficina de fotografia para pessoas surdas

De 04 a 08 de dezembro, das 18h30 às 20h30

IFRN Campus Cidade Alta (Av. Rio Branco, Natal)

Inscrições: Associação de Surdos de Natal (ASNAT), Associação de Surdos de Parnamirim (ASP), SUVAG  ou no site https://www.facebook.com/narrativasdosilencio/, enquanto existirem vagas.

Lara Paiva

Oi, eu sou o Goku. Mentira, meu nome é Lara. Sou jornalista e publicitária formada pela UFRN, natural de Natal. Sempre fui de humanas. Tem um blog para expor as suas curiosidades e anseios desta vida e mostrar os diferentes lados da vida urbana.

Você também pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *