Exposição de graffiti em Natal homenageará a Rita Lee

Cidades
Compartilhe:

No dia 31 de dezembro deste ano, a cantora Rita Lee Jones de Carvalho, uma das percursoras do rock n’ roll brasileiro, completará 70 anos. Existem várias homenagens à ela espalhadas no país. Em Natal não vai ser diferente, visto que a nova edição do Graffiti Expo Show terá obras de arte urbana com ela de tema. A quinta edição acontecerá no dia 8 de novembro, na galeria da Capitania das Artes, no bairro de Cidade Alta.

Serão apresentados trabalhos em graffiti, colagens, moda, instalações, desenhos, fotografias, telas e outros suportes, técnicas e estilos.

Para a organização do evento, “Rita Lee fez de tudo em todos estes anos de música. Incorporou a marchinha de carnaval ao rock, inventou uma levada que levou brasileiros de todas as idades cantarem juntos, mostrou que a música jovem pode ter letras inteligentes e bonitas e provou que para ser brasileiro também é preciso saber olhar para o mundo.”.

O trabalho em homenagem à Rita Lee é organizado pelo produtor cultural Marcelo Veni, que também a homenageará na edição 2017 do “Prêmio Hangar de Música”.  Já a exposição ficará disponível ao público até o dia 31 de dezembro e faz parte das ações do Natal em Natal, programação de fim de ano, organizado pela Prefeitura do Natal.

Sobre Rita Lee

Rita Lee nasceu em São Paulo e é conhecida como a rainha do rock brasileiro. Além de cantora, ela é compositora, multi-instrumentista, atriz, escritora e ativista brasileira. Construiu uma carreira que começou com o rock mas que ao longo dos anos flertou com diversos gêneros, como a psicodelia durante a era do tropicalismo, o pop rock, disco, new age, a MPB, Bossa nova e eletrônica, criando um hibridismo pioneiro entre gêneros internacionais e nacionais.

Começou sua carreira em meados da década de 60 como integrantes do Mutantes. Depois, ela integrou a banda Tutti Frutti, que influencia até hoje diversas bandas de rock com o seu som psicodélico com pegada de hard rock.

Lee participou de importantes revoluções no mundo da música e da sociedade. Suas canções, em geral regadas com uma ironia ácida ou com uma reivindicação da independência feminina,tornaram-se onipresentes nas paradas de sucesso. O álbum, Fruto Proibido (1975), lançado juntamente com a banda Tutti Frutti, é comumente visto como um marco fundamental na história do rock brasileiro, considerado por alguns como sua obra-prima.

Em 1976, Lee começou um relacionamento com o guitarrista Roberto de Carvalho e desde então ele tem sido o parceiro da maioria de suas canções e a acompanhou em todas suas apresentações ao vivo. Ambos tiveram o filho

Ela também é vegetariana e defensora dos direitos dos animais.

Com uma carreira que alcançou os 50 anos, Rita Lee passou da inovação e do gueto musical do final dos anos 60 e anos 70 para as baladas românticas de muito sucesso nos anos 80 e uma revolução musical. Já se apresentou com inúmeros artistas que variam de Elis Regina, João Gilberto à banda Titãs.

Em outubro de 2008, a revista Rolling Stone promoveu a Lista dos 100 Maiores Artistas da Música Brasileira, onde Rita Lee ocupa o 15° lugar.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *