Artistas Potiguares Cinema

Curta produzido dentro da UFRN será exibido no Mahalila

Compartilhe:

No próximo sábado (19), no Mahalila, a partir das 19 horas, haverá a estreia do curta “Eu, Vivi”, que também contará com uma noite artística de lançamento, com música ao vivo (popular e erudito) e encenação (Causos de uma menina mimada e transformada).

O filme de produção independente foi o resultado da disciplina de Direção e Interpretação, do Curso de Comunicação Social, com habilitação em Radialismo, da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). O filme é baseado em um processo de inspiração no conto “A morte”, mediado pelo professor doutor Adriano Cruz, fazendo o uso do Livro dos Abraços de Eduardo Galeano.

A história conta a vida de Vivi, uma cantora famosa da Internet. Sua música é bastante ouvida e compartilhada, porém pouco recompensada. O seu trabalho não foi o suficiente para render a ela uma vida digna e promissora. Nesses termos, ela compõe uma última canção na tentativa de chamar mais atenção. Assim, a sua composição foi somada ao arsenal de vídeos de um site famoso de compartilhamento audiovisual.

Confira a ficha técnica a seguir:
Roteiro e composição: Alexandre Beethoven
Direção e edição de vídeo: Emilly Lacerda Lima
Direção geral e fotografia: Pam Lisboa
Musicalização: Marcos Leal
Estrelando como personagem principal: Isadora Gondim

A seguir tem um vídeo da Isadora Gondim cantando uma das músicas que estão no curta:

https://www.facebook.com/euvivicurtametragem/videos/1369150293180740/

A seguir o teaser do curta:

Serviço:
Estreia do curta “Eu, Vivi”
Onde? Mahalila Café e Livros
Hora? 19 horas
Endereço: Rua Dra. Nívea Madruga, Lagoa Nova

Lara Paiva

Oi, eu sou o Goku. Mentira, meu nome é Lara. Sou jornalista e publicitária formada pela UFRN, natural de Natal. Sempre fui de humanas. Tem um blog para expor as suas curiosidades e anseios desta vida e mostrar os diferentes lados da vida urbana.

Você também pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *