Meladinha será tema de um festival que acontecerá em abril

Cidades
Compartilhe:

Meladinha, bebida típica da boêmia potiguar. Como faz? Cachaça, mel, limão e uma viga de ferro, que substitui a colher para fazer aquela mistura, igual a foto acima. A ideia surgiu com o turco chamado Nazi, que montou um bar no beco da lama e a ideia espalhou para outros bares e restaurantes da capital potiguar. Por isso, no dia primeiro de abril, vai ser criado o I Festival da Meladinha, no Pátio da Pinacoteca do Estado, em Cidade Alta.

Foto acima do título: Tribuna do Norte

A ideia veio do produtor cultural Marcelo Veni e o Bar da Meladinha que vai fazer o líquido precioso para os frequentadores da festa. O evento acontecerá entre 17h e 23h, com shows musicais que ainda serão confirmados.

Também meladinhas especiais de seriguela e de cajá (sim, a bebida também está aberta para outros sabores), feitas com o carinho reconhecido de Neide, a proprietária do Bar da Meladinha, herdeira direta do bar do Nazi. Haverá Meladinha Free para os 100 primeiros que chegarem ao festival e Clonada até as 20h. E até um concurso para quem beber mais meladinha.

No 1º Festival haverá comidas de boteco e outras opções de bebidas disponibilizados também por outros parceiros gastronômicos que terão estrutura armada no pátio da pinacoteca. Com ingressos de R$ 5 a R$ 10, o Festival foi pensado por Marcelo Veni para dar visibilidade à bebida mais famosa do Centro Histórico de Natal.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.