Dicas para brechar e fugir do Carnatal

Cidades
Compartilhe:

Nesta quinta-feira (1) começa o Carnatal e o jingle da micareta já está em nossas cabeças:

https://www.youtube.com/watch?v=6xF7Kg8kNnw

Mas tem gente que não gosta de axé e outros ritmos que compõe a Micareta. O que fazer? Ir ao show do Black Sabbath? Listamos cinco eventos para aqueles que querem fugir.

El Rock – Carnarock

15253475_628760377311892_7621257353741944172_n

Desde que era Hell’s, o El Rock criara eventos para os roqueiros fugirem do Carnal. Até cobri um para o blog Aqui Tem Som. Neste ano não vai ser diferente e todos os dias de Carnatal, menos no domingo, haverá diversos shows de rock para os natalenses anti-micareta. Vai ter shows do Alamoana, Joseph Little Drop, Talude, Hotel Dolores e dentre outras bandas.

Saiba mais por aqui.

baile funk do mc priguissa

81679

O MC Priguissa é bastante famoso nas noites natalenses e na sexta-feira de Carnatal, 2 de dezembro, ele vai fazer um baile funk, cuja entrada é 10 reais. Aonde vai ser? No Ateliê Bar, que fica na Rua Chile, na Ribeira.

Caosnatal

14632988_964184087019587_3010468648654373362_n

O CaosNatal é um festival de rock, punk e heavy metal que acontece anualmente e sempre no período de Carnatal. Neste ano as atrações são as bandas Born To Freedom, N.T.E., Rotten Flies, Atrito Urbano, Psicomancia e Cocílio de Trento. O evento acontecerá no Dosol, na Rua Chile, no bairro da Ribeira.

Heavy Metal no Whiskritório

bestheavymetalmovies_7110970909

Prefere um rock mais pesado? Quer participar de uma roda de poga? Haverá um evento nesta sexta-feira (4) dedicado apenas aos amantes do heavy metal. Haverá shows das bandas Comando Etílico, Terrorzone, Sanctifier & GAS. Mas, se você não gosta nada disso, outros dias de carnaval (quinta e o sábado) terá outros eventos no Whiskritório com shows de rock nacional e muita música eletrônica. Veja aqui.

Enigma Hall

15232263_1839536669625232_6963588966954969198_n

O sábado de Carnatal é um período que várias ruas de Natal estão interditadas e a festa para os micareteiros começa bem cedo. Mas, o Enigma Hall, que fica na mesma rua que o Taverna Pub, terá um evento dedicado aos fugitivos do carnaval fora de época. Venha para o pop com Rafael Del’Agnese, Victor Breno e as drags Kaya Conky, Jaiara Fontes, Minerva Del Diablo e Potyguara Bardo. Também terá perfomance de America Bracchi e Iracema Chakra. Sem contar que haverá rodadas de jellyshots, cachaça free e promoções. Veja mais neste link.

Punk no Wesley’s

15192586_1130892447025222_8181152005617943252_n

Domingo é dia de Carnatal, ainda. Mas não para os punks, que vão curtir no Wesley’s Bar, na Praça Ecológica de Ponta Negra. A banda Mondo Bizarro vai tocar o melhor do Ramones e depois haverá o RDPeido, que executará um dos álbuns do Ratos de Porão. Mais detalhes do evento aqui.

Halleluya

halleluya_rio

O festival acontece todos os dias de Carnatal e é voltado para o público católico. O evento acontecerá no Anfiteatro da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), a partir das 18 horas, e a entrada é franca. Até o momento, mais de três mil pessoas foram confirmadas. Os artistas confirmados estão Rosa de Saron, Davidson Silva, Tony Allysson, Adoração e Vida, Adriana Arydes, Cosme e o grupo Missionário Shalom.

Ainda recomendamos peças

Sancho Pança

unnamed-1

A peça “Sancho Pança – O fiel escudeiro” já passou pelo festival O Mundo Inteiro é um Palco, Casa da Ribeira e a praia de Pirangi do Norte. Mas, durante os dias de Carnatal, a Tropa Trupe (RN) apresenta na no TECESol – Neópolis (03 e 04/12 às 18h). O palhaço Piruá está internado em um manicômio por jurar ser Sancho Pança, o fiel escudeiro de Dom Quixote de La Mancha. Essa estranha afirmação se torna mais estranha quando Piruá afirma que Dom Quixote virá resgatá-lo.

A peça também faz parte das atividades de celebração dos 10 anos da Tropa Trupe e do novo ciclo de projetos do grupo, que dá vazão a criatividade e a demanda artística de cada integrante. Mais informações na página facebook.com/tropatrupe.

De onde vem e para onde vai Cida?

15220068_1291002550970501_3985198908388478113_n

Haverá sessões na quinta e sexta, 1 e 2 de dezembro. A peça fala sobre a epidemia da AIDS, que a sigla para doença em português se chama SIDA. Por que a doença ainda é o tabu? Montagem independente dos artistas Franco Fonseca (que também assina a direção do espetáculo), Matheus Gianinni e Naara Martins. Peça faz parte das atividades de fim de ano da Casa da Ribeira.

Confira o teaser a seguir:

Outros eventos para fugir do Carnatal

Titá Marques no Mormaço: https://www.facebook.com/events/227996504289875/
Mostra de Mulheres Criando: https://www.facebook.com/events/1214899371900100/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.