Por que diabos querem destruir a Iemanjá da Praia do Meio?

É quinta-feira, dia 31 de dezembro. Haverá comemorações de ano novo em todas as praias urbanas de Natal. De Ponta Negra até Redinha. Uma das coisas mais tradicionais nas comemorações de fim de ano fica na Praia do Meio, onde muitos amantes da cultura umbanda colocam oferendas para a estátua de Iemanjá que fica no local.

Nas redes sociais, eu vi uma foto de uma pessoa (estou com ódio por ter esquecido de salvar a mensagem) criticando os atos de degradação da escultura, que já teve até as suas mãos arrancadas e pedaços de cimento jogados nela.

Não se sabe esse ódio pela estátua, mas as pessoas devem acreditar em qualquer coisa que se sinta bem.

O jornalista Marcelo Lima nos forneceu boa notícia na Tribuna do Norte de ano novo. Três voluntários fizeram doações para que a imagem de Iemanjá, feita de concreto e ferro, fosse restaurada no ano novo. A intenção é que fique pronta hoje a noite, com as mãos de volta no lugar e toda pintada com as cores originais.

Não é a primeira vez que a imprensa retrata a degradação do monumento. No dia 2 de fevereiro deste ano, quando se comemorou o dia da orixá mais famosa da umbanda, o G1 mostrou o desgaste do monumento, que é mantida pela Federação de Umbanda e Candomblé do Rio Grande do Norte.

Desgastes na Iemanjá (Foto: G1)
Desgastes na Iemanjá é falado na imprensa há tempos. Esse desgaste foi registrado no início deste ano pelo G1 (Foto: G1)

Entretanto, a Feucrn pretende colocar uma outra estátua no lugar da atual. Porém, ainda precisa passar por alguns trâmites burocráticos, como a aprovação do projeto na Câmara Municipal de Natal.

A nova imagem a partir de um edital específico da Fundação Capitania das Artes (Funcarte). Com R$ 86 mil, a entidade conseguiu construir uma escultura em pedra sabão de 3 metros de altura e 2,7 mil quilos.  A estátua tem 15 anos.

Nós já falamos da imagem de Iemanjá no Brechando, clica aqui nesta matéria.

Retrospectiva 2015 pelo Brechando

Hoje é dia 31 de dezembro, fim do ano 2015. Há quatro meses atrás minha vida mudou, me formei e criei o meu Brechando. Foram mais de 300 matérias publicadas desde 1 de agosto e a quantidade de leitores só crescendo.

Todos os blogs da cidade fizeram uma retrospectiva. Então, eu vou fazer o meu top 15 das coisas que marcaram este blog. Confira a nossa retrospectiva:

1) Faster Pizza

faster pizza (17)

No final da Rua Princesa Isabel percebe-se um amontoado de pessoas rondando às 21 horas. Eles estão no Faster Pizza, inaugurada em 2014 e é conhecida pelos shows de bandas de rock e heavy metal. No final do ano, os donos do estabelecimento disseram que iria fechar. Após as súplicas dos frequentadores, eles voltaram atrás e ano que vem continuam com força total.

Para saber mais sobre a pizzaria mais underground, clique no link.

2) Ponte na Praça Augusto Severo

12211983_988294904571652_405938015_n

Está no top 10 das mais lidas do blog. Esta ponte próxima da antiga rodoviária e da estação de trem de Natal não está de enfeite e faz parte da história da construção da Praça Augusto Severo, que antigamente tinha um belíssimo jardim botânico, cuja intenção era tirar o pântano causado pelo o rio Potengi. É uma das poucas coisas que mantém a estrutura original da praça. Veja saber um pouco mais sobre este local.

3) Professor doa 70% do fígado para jovem

12308672_800550563389785_4162870328676765543_n

Nós contamos a história do professor Cláudio Custódio, que resolveu viajar para São Paulo com a intenção de fazer uma cirurgia no Hospital Sírio-Libanês e fornecer 70% do fígado para Matheus Leandro, que era portador de uma doença no fígado que prejudica as artérias e o pulmão. Saiba mais.

4) Estabelecimentos com nomes peculiares em Natal

siricascudo

Em Natal, a gente tem diversos locais desse porte. O Brechando criou dois textos mostrando os restaurantes e outros estabelecimentos comerciais com nomes peculiares. Você já resolveu fazer aquele lanchinho no Siri Cascudo? Nós dividimos o texto em parte 1 e 2.

5) Os nus artísticos de Paulo Fuga

paulo fuga 1

Contei um pouco do trabalho do jornalista e fotógrafo mossoroense, radicado em Natal, Paulo Renato, conhecido como Paulo Fuga. Ele é conhecido pelos trabalhos de nu artísticos, fazendo com que os modelos parecessem bem a vontade nas lentes e em diversas situações que não lhes deixam pornográfico. Para saber mais, clica aqui.

6) Casa da Viúva Machado

8
Esta linda casa amarela morou uma das maiores lendas urbanas natalenses, a Viúva Machado, conhecida por ser a comedora de fígado, ou como dizem, a “papa-figo”. Pouca gente sabe que a famosa viúva realmente existiu e totalmente diferente do que a lenda dizia. Confira um pouco a história dela.

7) Como se faz uma pipoca Boku’s

HPIM7130

Muita gente de Natal e do Nordeste sabe o saber da pipoca Boku’s e de seus grãos de tamanho bizarro. Mata a sua fome, naquele momento que você fica faminto.  Mas, você sabe como ela é feita? Por que a mesma fica desta forma? Por que ela é diferente das tradicionais pipocas? Conheça um pouco mais de sua fabricação.

8) Estreia de Star Wars

Star Wars (13)
Fui a pré-estreia de Star Wars: O Despertar da Força e contei como foi a estreia do filme mais esperado no ano. Como previsto, teve cosplay, gente desfilando com camisetas do filmes e entrevistei alguns fãs, que estavam bastante empolgados. Confira aqui.

9) O Halloween do Gringo’s mudou de local

image

O Halloween do Gringo’s, tradicional no bairro de Ponta Negra e feito a partir de publicações no Facebook, foi alvo de polêmicas, a super lotação da festa causou brigas, lixo e poluição sonora. Alguns que não gostaram um pouco da festa resolveu mudar para uma praça mais próxima e nós comentamos como foi a festa aqui.

10) Fila da Tatuagem

IMG_6925

Era um domingo de manhã, em julho. Acordei cedo e dois dias antes estava vendo uma seguinte mensagem no Facebook: “Neste domingo será o dia para marcar as tatuagens para o segundo semestre deste ano. A próxima agenda será aberta em fevereiro”. Eba, minha chance de fazer uma tatuagem e como enfrentei esta fila? Veja esta matéria do Brechando.

11) O dia que fiz a tatuagem

image

A modificação corporal sempre existiu em mim. Desde criança gostei de piercing, tatuagem e cabelos coloridos. Quando era criança queria ter um cabelo rosa igual da jornalista Penélope do Castelo Rá-Tim-Bum, parecia que já tinha uma relação com a profissão que escolhi desde cedo e não sabia. Quando tinha oito anos queria colocar um piercing no umbigo, no qual isto nunca aconteceu. Aos 22 anos, eu resolvi fazer uma tatuagem e conto como foi o procedimento.

Link: http://boo-box.link/26ENY

12) Quem é o Salgado Filho?

16789473

Em agosto desse ano, o prefeito Carlos Eduardo Alves disse que a Avenida Senador Salgado Filho alterará o nome. O prefeito anunciou durante a assinatura do convênio para construção de uma ciclofaixa na Avenida Ayrton Senna, zona Sul de Natal. Na teoria, a via começa no Natal Shopping e termina no cruzamento da Bernardo Vieira, próximo ao IFRN e o Midway Mall. Afinal, quem é o Salgado Filho? Confira nesta matéria.

13) Rogério x Jesus

image

Tudo começou com algumas frases em Nova Parnamirim, em Parnamirim, (nas avenidas Abel Cabral e Maria Lacerda Montenegro) e nos conjuntos San Vale e Cidade Satélite em Natal. Depois, as frases se espalharam para os bairros de Capim Macio e o conjunto Ponta Negra. Ainda tem alguns na zona Norte. Então, descobri que as pinturas fazem parte do Rogério, um pintor que luta contra a religião. Confira um pouco mais dele.

14) Casa derrubada em Petrópolis

11903281_950824111652065_787190791_n

Um casarão conhecido no bairro de Petrópolis ficava no cruzamento da Avenida Nilo Peçanha com Rua Seridó, do lado da Agência de Fomento do Rio Grande do Norte (AGN). O local, construído no século XIX,  já foi uma escola de artes e nos últimos três anos funcionava como um restaurante. Tentamos procurar algo a mais sobre a sua origem ou alguma foto mais antiga, porém sem sucesso. A casa, que já era alvo de muitas modificações, foi demolida e relatamos sobre o ocorrido.

15) Mulheres reunidas para protestar contra os casos de estupro

IMG_7382

A Avenida Rio Branco, no dia 27 de agosto, foi tomada por mulheres que tinham um simples objetivo: criar medidas para reduzir a violência contra a mulher. Diferentes grupos se reuniram para criticar apologia da cultura do machismo, que ainda acontece em pleno século XXI. Elas caminharam do viaduto do Baldo até a Prefeitura, na Rua Ulisses Caldas, ambas localizadas no bairro de Cidade Alta. O motivo foi por conta dos casos de estupros que aconteceram no conjunto San Vale. Saiba mais.

Durante os dias 1, 2 e 3 de janeiro colocaremos outras matérias que marcaram os quatro meses de blog. Agradecemos os mais de 180 mil acessos, 750 curtidas no Facebook e vamos dobrar a meta daqui a quatro meses. Voltaremos dia 4 de janeiro com mais novidades!

Feliz ano novo!